Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2012
Tristeza por favor vai embora dessa alma que chora de tanto esperar...

Esse trecho dessa canção mostra realmente como estou neste exato momento, MUITO TRISTE, chateado com a vida, com as pessoas... Vejo que a desilusao, desesperança insiste em me visitar e ficar por um bom tempo e ficar me atormentando, martelando, impugnando... as vezes as pessoas nao imaginam o quanto as palavras ferem, machucam nao o corpo mas a alma.
Estava tentando escrever esse post ja faz mais de 3 semanas, e sempre adio, tentando melhorar meu animo, mudar meu foco, mas vejo que meu coraçao nao ta mais aguentando...
Nessa vida tem dia que a gente precisa agir como se fossemos pedras para podermos conseguir enfrentar aquilo que somos obrigados a passar.
Imagina uma situaçao: voce em teu quarto fazendo trabalhos academicos e de repente uma pessoa alterada alcoolicamente, entra tumultuando o ambiente, procurando por um celular que nao é seu, é de outrem, pergunta pra vc se outrem te disse algo, e voce simplesment…

Vida de cão...

Como ja postei outras vezes aqui em casa temos um cao, alias meu irmao tem um cachorro, apesar que ele parece ser mais meu de que dele mesmo, e creio que ele deve ter completado 5 anos ja, nossa como o tempo passa... quando ele veio pra casa trazido pela mao de minha sobrinha que encasquetou que aquele seria seu caozinho, ja que a irma tinha uma cadela. Dizem que a primeira impressao é a que fica, pois é, eu nao acredito nisso nao, eramos como cao e gato,  da minha parte é claro, nao queria amizade, ja tinha amizade com a Lessie, e o Bob estava sobrando... cachorro moleke, sabe aquelas crianças que voce precisa ficar de cima que senao faz arte, esse era o Bob pequeno, se bem que nao mudou muito não... ainda faz cada proeza que dá espanto e graça pra gente, tem hora que acho ele mais humano que muita gente ai... entao com o tempo ele foi conquistando espaço na minha vida, a chegar um ponto em que ele fazia mais festa em me ver do que ver os proprios donos, isso é até hoje. Com ele apr…

Faço delas minhas palavras...

Veja que lixo!

Por Jean Wyllys - Deputado Federal(PSOL-RJ)

Eu havia prometido não responder à coluna do ex-diretor de redação de Veja, José Roberto Guzzo, par a não ampliar a voz dos imbecis. Mas foram tantos os pedidos, tão sinceros, tão sentidos, que eu dominei meu asco e decidi responder.
A coluna publicada na edição desta semana do libelo da editora Abril — e que trata sobre o relacionamento dele com uma cabra e sua rejeição ao espinafre, e usa esses exemplos de sua vida pessoal como desculpa para injuriar os homossexuais — é um monumento à ignorância, ao mal gosto e ao preconceito.
Logo no início, Guzzo usa o termo “homossexualismo” e se refere à nossa orientação sexual como “estilo de vida gay”. Com relação ao primeiro, é necessário esclarecer que as orientações sexuais (seja você hétero, gay ou bi) não são tendências ideológicas ou políticas nem doenças, de modo que não tem “ismo” nenhum. São orientações da sexualidade, por isso se fala em “homossexualidade”, “het…