domingo, 27 de dezembro de 2009

Recomendações 2009:

Esse ano de 2009 fiz inúmeras coisas diferentes entre elas: leituras, videos, festas etc. E tais atos mudaram-me interiormente e exteriormente... sendo capaz de aceitar-me e também a aceitar o próximo sem nem um tipo de pré conceito...
Assisti inúmeros Filmes:
Normais: Apenas amigos, 17 outra vez, 500 dias com elas, A proposta, A era do gelo 3, a Arte da Luta, American Pie I, II, III, IV, V, VI, VII, Anjos e demonios, Antes de Partir, Avatar, Ano UM, Coração de Tinta, Cura do Cancer da Mama, De bem com a vida, Fala Grega, I love you man, Marley e eu, Minhas adoraveis ex namoradas, Bairro 13, O cavaleiro, O labirinto do Fauno, O sequestro do metro 123, A orfa, Observar e relatar, Os normais 2, Pandorum, Supernatural, Um ano sem sexo, Um dia voce aprende, UM grande garoto, 2012, o misterioso caso de James Button, Transformers 2, Arraste-me para o inferno, GI JOE, G force, Inimigos públicos, se beber nao case, The Spirit, ... òtimos por sinal...
GLS: Noahs Arc(serie inteira), Um lar no fim do mundo, Bruno, Latter Days, Sheltter, Adam and Steve, Almost normal, Amnesia, Another Gay movie 1 and 2, Beautiful things, Breakfast with Scot, Ciao, Coffee Date, Cafe com leite, Starcrossed, Dorian Blues, Eating out 1 and 2, Eleven man out, Far from heaven, Father and son, Fresa y Chocolate, Get real, glue, Half a person, Hedwig, HOmofather, Juste Une question d'amour, Kiky boots, kiss the bride, LIE sem saida, Le ciel sur la tette, Lie Down with dogs, Like a brother, little ashes, locked up, love and other disasters, Mambo italiano, Mulligans, My sister keeps, Open Cam, the dreamers, Party monsters, Prayer for Bobby, Prom Queen, Rockhaven, Save-me, The Mudge boy, The sun of us, Slutty summer, Sordid loves, Story of a bad boy, Summer storm, Tan lines, Testosterone, The mustly unfabolous social life of Ethan Green, The wedding banquet, The conrad boys, The history boys, The trip, Tinha que ser voce, To Wong foo, Total Eclipse, Vacatioland, Wild Tigers I have Known... e nao
sao pornograficos sao lindos romances...

Tem tambem os livros: todos de Andre Vianco(perfect), A casa, Marley and me, Amor.com, Chuva de rosas, Eles perguntam ele responde, Intimidades de minha vida, Meu filho é homossexual e agora, Despedida de solteiro, O preço de ser diferente, Prazer em conhecer, Sou homem e amo outro homem, Anjos e dois destinos, Liçoes da carne, 3º travesseiro, Quase Levy um fora, Tudo depende só de mim, Um estranho dentro de mim, O pijama, o Segredo de... , O monge e o executivo, Quem mexeu no meu queijo, todos do Pe Fabio de Melo, A paixao no banco dos réus e muitos outros, acho q li um livro por semana ou mais...

Bom foi o que realizei em termos culturais, teve outras coisas tal como: Feira do livro em Ribeirao Preto(Show de Adriana Calcanhoto), Macaco e Cia., Virada Cultural em Franca, Noite Cultural na Unifran, Festa da Soja, Festa do Peao de Morro Agudo...

Retrô 2009.

Como todas as pessoas comuns, quando chega a última semana do ano começam a fazer uma retrospectiva de como fora o ano e já fazem planos pra 2010, eu também parei pra pensar como fora meu ano de 2009. Fiquei um dia avaliando, pensando, meditando, refletindo... No fim de 2008 havia feito o proposito de ser feliz, acima de tudo... mas como a vida nos prega peça constantemente... vivi a tristeza, mais uma vez, acima de tudo... nao faltaram motivos. Tive depressao, tive perdas e por ai vai... Porém, foi um ano intrigante, pois foi um ano de transição... Onde pude me aproximar de mim mesmo, reconhecer minha identidade e assumi-la pra mim mesmo, sem me apegar a conceitos e preceitos extra interiores. Este ano foi o ano em que pude me acertar como pessoa, mesmo que algumas feridas tenham sido necessárias... Deixei que minha condição, limitações nao fossem algo que me torturassem como sempre as tinha em minha vida... conheci meu mundo alternativo, e me fundamentei nele, li literaturas, filmes, encontrei pessoas do mesmo mundo e por ai fui... desvendando um mundo que até então me era desconhecido... sabia apenas do ouvir dizer. Com isso identifiquei-me, assentei-me e percebi que este mundo não é tão alternativo como muitos e, principalmente, eu pensávamos. Foi uma descoberta que quebrou muitos preceitos, pré conceitos estereotipados, que me fizeram ser eu mesmo, independente dos julgamentos e condenações que as pessoas taxam o próximo. Foi até bom...
Em janeiro fui convidado a voltar a servir na Igreja (RCC), em um seminário (em outra cidade - Guará) Seminário este que me fez deparar com realidades tão semelhantes e tão diferentes ao mesmo tempo da minha, mas foi algo que me fez crescer como pessoa e perceber que ainda sirvo pra alguma coisa, a princípio tive muito medo, pois voltar a trabalhar na Igreja onde fui tão severamente condenado e tirado do serviço como foi...
Em fevereiro dei um jeito de fazer um empréstimo para conseguir voltar a estudar, já havia pensado que não voltaria, pois até então estava desempregado, e as chances de voltar pra faculdade eram nem uma, mas voltei sem poder voltar... Ainda acho que foi loucura... mas às vezes precisamos idealizar e realizar certas loucuras pois podemos estagnar na vida.
Em março quando o desespero já era enorme, devido o desemprego, fui convocado pela prefeitura e voltei a trabalhar, pensando que recebia uma luz no fim do tunel... porem nao era o que pensava... tive que fazer outros empréstimos para poder continuar a faculdade, poder ter uma profissão na vida... ser alguém talvez... mas isso é complicado... pois vai virando uma bola de neve... No novo emprego encontrei novos "amigos", pessoas que tenho aprendido a cada dia... a lhe dar, fora os de fora rs que também nos dão liçoes de vida constantemente, mediante aos sofrimentos, as dificuldades que a vida impõe a cada um. E aprender a lhe dar com a falsidade de muitos, pra nao dizer de todos... coisa normal nos dias de hoje...
Em abril nada demais aconteceu, a nao ser pelo fato de minha avó adoecer e ir pra UTI... o que de lá não voltou nunca mais(viva). Foi um mês de expectativa, de espera... onde iniciei no emprego novo.
Em maio, minha avó veio a falecer, uma perda lastimável, não pensei que iria sentir tanto... e com essa perda percebi que precisamos aproveitar na vida cada momento dela, pois a vida pode passar sem ao menos percebermos pra que motivo viemos. Teve a Festa da Soja, que foi o começo de tudo... do meu mundo alternativo. Aproximei-me de pessoas iguais, conheci pessoas iguais e com isso fui descobrindo um mundo novo, novas amizades, novos conceitos, novos sentimentos, novos sonhos, novas vontades, novas descobertas etc. Foi ai que tudo começou... nem tudo.
Junho foi um mês que fui me abrindo ao novo, vendo as alternatividades que a vida vai apresentando a nós... as pessoas, as frustrações, as decepções... Em junho eu já era eu... e nao mais o eu anterior... rs.
Julho mês de férias, de extrapolar os sentimentos as sensações, fui pela primeira vez a um bar GLS, em frente a boate Diesel... me senti em casa... aliás melhor que em casa. Um lugar normal, porém de pessoas iguais, de respeito mútuo...
Agosto o mês dos ventos, sem nem um feriado, mês em que vamos acertando a vida, pois percebemos que o ano já começa a ir pro seu fim... e já a preparar para o fim de ano.
Setembro mes das arvores, e este ano mudando o protocolo, não fui ao Hallel, fui ao primeiro aniversário (churrasco) GLS, foi legal... Além de descobrir que nesse mundo existe muita falsidade entre as pessoas.
Em Outubro fiz pela primeira vez, depois de anos de convites, o Cursilho de Jovens Homens melhor impossível... estava precisando dessa parada pra voltar pra Deus, mesmo com as minhas limitações, foi um retiro em que me coloquei diante de Deus como sou, sem máscaras, medos e fui amado por Ele assim mesmo... foi ai que percebi que Deus é Deus acima de qualquer coisa/situação/condição/tendência... vi inúmeros diferentes iguais ali próximos de mim... foi muito bom... Também fui a minha primeira Rave GLS, é mole!!! E que coisa... foi perfeito... quebra de tabus, pois muitos criticam tais momentos dizendo ser lugares de promiscuidade, de prostituição etc. e não é nada disso, nunca me senti em um lugar tão respeitoso...
Novembro, mês passado, lutando ainda contra a depressão, conhecendo meus limites... com as crises sexuais à flor da pele, solidão em extremo...Ju, um grande amigo, se casou...
Dezembro, atual mês, de muitos casamentos de conhecidos(Dani, Lolita, Marcelo, Becare etc.) fui padrinho do Marcelo, e reflexão para 2010, planejando... e por ai se vai.
O ano de 2009, foi mais um ano que ficará pra história onde pude descobrir um mundo... claro que em meio a lágrimas, dor e sofrimentos, mas foi necessário para poder ser um pessoa mais livre... Sei que tudo o que planejei pra esse ano não cumpri em nada, mas creio que foi um ano de purgatório... de limpeza interior para poder receber mais em 2010.
Já pra 2010 nao faço planos para nao poder me frustrar ainda mais em minha vida...
Que venha 2010...

sábado, 12 de dezembro de 2009

Tentando

Estou em uma luta tremenda para me permanecer em pé... fisicamente, espiritualmente e psicologicamente... É tao dificil ser a gente mesmo, mediante a tantas coisas que o mundo nos traz, a tantas coisas que acontecem em nossas vidas de certa forma acabam sufocando quem realmente somos.
Estou tentando viver... porem... nao estou conseguindo... pra mim já... deu... ver, ouvir certas coisas que te ferem de uma forma tao... aguda. As pessoas acham que sou forte... sou mais fraco do que imaginam, muito carente, muito sensivel...
Hoje é sabado... a vontade q tenho é de somente ficar deitado... quietinho no meu canto... no escuro...

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

O NATAL VOLTOU...

aFFF... Parece que fora ontem o Natal de 2008... que tédio esse período... pessoas felizes por nada, sendo que a vida continua a mesma, os problemas continuam os mesmos... como se o mundo pudesse mudar em um dia apenas...
è isso ai, nao gosto nem um pouco do natal, pois as pessoas soh pensam em festas, presentes etc... festas odeio festas pois sempre me deprimo, quando nao acontece briga, ja viu familia geande, agora presentes... faz mais de 10 anos que nao ganho um presente se quer no natal, a nao ser os por mim comprados ou trocados em amigo secreto que pra mim nao conta como presente... Pra quem gosta desta festividade:

FELIZ NATAL!!!